Tabela Seguro Desemprego 2017


Você conhece a nova Tabela Seguro Desemprego 2017?

Ministério do Trabalho e Emprego divulgou o novo modelo que entrou em vigor a partir do dia 11 de janeiro de 2016, com base no novo salário mínimo que agora tem o valor de R$ 937,00 (Novecentos e Trinta e Sete Reais).

tabela seguro desemprego 2016

publicidade:




O reajuste segue todas as recomendações da Resolução do Conselho Deliberativo do Fundo de Amparo ao Trabalhador.

Segundo a nova tabela seguro desemprego 2017 só vai ser pago se trabalhador contribuir por 18 meses e não mais com 6 meses na primeira solicitação.
No caso da segunda solicitação, determina que o prazo é de 12 meses e para a terceira é de 6 meses.
Em julho será lançado o novo calendário do PIS 2016/2017, mas as mudanças só começam a valer para o ano base 2016 que será pago no PIS 2016.

Tabela Seguro Desemprego 2017

Você sabe como calcular o seguro desemprego em 2017?

publicidade:

De acordo com a tabela seguro desemprego 2016, calcula-se o valor do Salário Médio dos últimos três meses anteriores a dispensa e aplica-se a fórmula abaixo:

publicidade:
Faixas de Salário Médio Valor da Parcela
Até R$ 1.222,77 Multiplica-se o salário médio 0.8 (80%).
De R$ 1.222,78 até R$ 2.038,15 O que exceder a R$ 1.222,77 multiplica-se por 0,5 (50%) e soma-se a R$ 978,22.
Acima de R$ 2.038,15 O valor da parcela será de R$ 1.385,91, invariavelmente.
seguro desemprego
E qual a base salarial?
A apuração do valor do benefício tem como base o salário mensal do último vínculo empregatício, na seguinte ordem:
1. Tendo o trabalhador recebido três ou mais salários mensais a contar desse último vínculo empregatício, a apuração considerará a média dos salários dos últimos três meses;
2. Caso o trabalhador, em vez dos três últimos salários daquele vínculo empregatício, tenha recebido apenas dois salários mensais, a apuração considerará a média dos salários dos dois últimos meses;
3. Caso o trabalhador, em vez dos três ou dois últimos salários daquele mesmo vínculo empregatício, tenha recebido apenas o último salário mensal, este será considerado, para fins de apuração.
E qual o teto dessas parcelas?
O valor máximo delas está estabelecido em R$ 1.542,24.

Regras Seguro Desemprego 2017

Segundo as regras do seguro desemprego em 2017, caso o trabalhador não tenha trabalhado integralmente em qualquer um dos últimos três meses, o salário será calculado com base no mês de trabalho completo.

E se o meu salário não for mensal, como eu faço?

Para aquele que recebe salário/hora, semanal ou quinzenal, o valor constante no requerimento deverá ser o do salário mensal equivalente, conforme a regra abaixo:

Salário/hora = Y → Salário mensal = Y x 220
Salário/dia = Y → Salário mensal = Y x 30
Salário/semana =Y → Salário mensal = Y ÷ 7 x 30
Salário/quinzena = Y → Salário mensal = Y x 2

Quantas parcelas terá meu seguro desemprego?

De acordo com essas novas regras em 2017, é estabelecido que os trabalhadores terão direito a receber de 3 a 5 parcelas.

Isso depende da quantidade de meses trabalhados, e também do número de vezes que você já solicitou o auxílio.

Se eu trabalhei entre 18 a 23 meses, quantas parcelas tenho direito?

Nesse caso, você terá direito a 4 parcelas. E caso tenha trabalhado mais do que isso, terá direito a 5 parcelas.

seguro desemprego

publicidade:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *